Formação Profissional

Diretiva Máquinas e Equipamentos de Trabalho

Esta ação de formação oferece uma visão clara das obrigações legais, desde a fase de conceção, à adequação, integração e/ou aceitação de uma máquina ou linha de máquinas, por forma a cumprir os níveis de segurança exigidos pela legislação nacional.
 
A segurança de máquinas é regulada pela Diretiva Máquinas (2006/42/CE do Parlamento Europeu e do Conselho, de 17 de maio) e estabelece um conjunto de regras reguladoras de mercado. Privilegia a integração de segurança na conceção e projeto, tendo como suporte as normas harmonizadas.

Duração

8 horas

Data

7 de maio 

Local

Aveiro [sede F.Fonseca]

Horário

09h00 - 18h00

Guardar

Adicionar ao calendário 2021-05-07 09:00:00 2021-05-07 18:00:00 Europe/Lisbon Diretiva Máquinas e Equipamentos de Trabalho Esta ação de formação oferece uma visão clara das obrigações legais, desde a fase de conceção, à adequação, integração e/ou aceitação de uma máquina ou linha de máquinas, por forma a cumprir os níveis de segurança exigidos pela legislação nacional.
 
A segurança de máquinas é regulada pela Diretiva Máquinas (2006/42/CE do Parlamento Europeu e do Conselho, de 17 de maio) e estabelece um conjunto de regras reguladoras de mercado. Privilegia a integração de segurança na conceção e projeto, tendo como suporte as normas harmonizadas.
Aveiro [sede F.Fonseca] F.Fonseca geral@ffonseca.com

Investimento

195,00 € + IVA [almoço incluído]
Inscrição
Ver Detalhe
Formador
Pedir proposta
Já a Diretiva Equipamentos de Trabalho (2009/104/CE, de 16 de setembro) estabelece o conjunto de regras reguladoras de segurança na utilização de equipamentos de trabalho. Tem como destinatários os empregadores, estabelecendo prescrições mínimas de segurança e saúde, melhorando as condições de trabalho e promovendo a segurança dos trabalhadores. O seu cumprimento é da responsabilidade do empregador.


Objetivos
No final desta ação os formandos deverão conhecer:
  • As obrigações legais;
  • A responsabilidade legal e civil dos diversos intervenientes;
  • A estrutura da legislação e as normas técnicas mais relevantes;
  • Os requisitos mínimos para o cumprimento com a legislação nacional relacionada com os equipamentos de trabalho.
 

Destinatários
A formação destina-se a usuários de máquinas, técnicos e responsáveis de manutenção, peritos de seguros, projetistas, responsáveis por departamentos de higiene e segurança e profissionais de segurança familiarizados com os conceitos mas que precisem saber como a avaliação de riscos de máquinas pode diferir de outras avaliações de segurança ou risco no local de trabalho.
 
 
Conteúdos programáticos
1. Abordagem Diretiva Máquinas 2006/42 e requisitos para a marcação CE:
     1.1.Histórico de acidentes: panorama nacional e internacional;
     1.2. Âmbito, objetivos, atividades abrangidas, beneficiários e expressão dos requisitos;
     1.3. Responsabilidade legal e civil dos diversos intervenientes;
     1.4. Outras diretivas (quando aplicável às máquinas);
     1.5. Quase-máquinas e sua integração;
     1.6. Alterações significativas aos equipamentos de trabalho;
     1.7. Componentes de segurança;
     1.8. Máquinas do anexo IV;
     1.9. Processo técnico de fabrico e as evidências documentais;
     1.10. Declaração CE de conformidade e a declaração de incorporação;
     1.11. Requisitos e recomendações para a elaboração do Manual de instruções;
     1.12. Resumo do procedimento;
     1.13. Comércio de máquinas usadas.
2. Abordagem ao sistema de normalização europeu e mundial para a segurança de máquinas:
     2.1. Organismos europeus de normalização;
     2.2. Definições dos vários tipos de documentos desenvolvidos pelo Comité Europeu de Normalização (CEN);
     2.3. Normas harmonizadas e a sua importância no processo;
     2.4. Panorama normativo internacional;
     2.5. Visão das atuais Normas ISO e IEC mais relevantes na segurança de máquinas.
3. Abordagem Diretiva Equipamentos de trabalho 2009/104/CE:
     3.1. Enquadramento legislativo;
     3.2. Definições, âmbito, objetivos, beneficiários e expressão dos requisitos;
     3.3. Verificações aos equipamentos de trabalho;
     3.4. Sistemas de comando;
     3.5. Arranque e paragem dos equipamentos;
     3.6. Riscos de contacto mecânico e riscos elétricos;
     3.7. Manutenção dos equipamentos e prevenção contra arranques inesperados;
     3.8. Resumo do procedimento para adequação dos equipamentos de trabalho.


Certificação
No final da formação será emitido um certificado de formação profissional pela F.Fonseca.


 
Formador
Hernâni Rodrigues
  • 0
  • 1