Home
Loja online
Configurador Sondas
Contactos

Analisador de partículas DUSTHUNTER SB100 - Sick

O DUSTHUNTER SB100 é o analisador de partículas para gamas de concentração baixas ou médias, com homologação para aplicações difíceis, como por exemplo, gases quentes ou corrosivos. 

O analisador é instalado “in situ” em apenas um dos lados da conduta, estando disponíveis dois comprimentos diferentes. A medição utiliza o princípio de dispersão de luz de retrocesso, com compensação automática da luz de fundo. Indicado para monitorizar processos industriais e emissões atmosféricas de centrais termoelétricas e incineradoras de resíduos.
Ver Detalhe

Analisador de partículas DUSTHUNTER SB50 - Sick

O DUSTHUNTER SB50 é um analisador de partículas para gamas de concentração baixas ou médias em aplicações difíceis, como por exemplo, gases quentes ou corrosivos. 

O analisador é instalado “in situ” em apenas um dos lados da conduta, estando disponíveis dois comprimentos diferentes de sonda. A medição utiliza o princípio de dispersão de luz em retrocesso, com compensação automática da luz de fundo. Indicado para monitorizar processos industriais.
Ver Detalhe

Analisador de partículas DUSTHUNTER SF100 - Sick

O DUSTHUNTER SF100 é o analisador de partículas indicado para medições de concentrações muito baixas até valores médios. Homologado para grandes instalações de combustão, apresenta o melhor desempenho nas aplicações mais difíceis, como por exemplo, gases quentes ou corrosivos.

O analisador é composto por duas unidades (emissor e recetor) instaladas “in situ” em lados opostos da chaminé. Desta forma são indicados para chaminés com grande diâmetro. A medição utiliza o princípio de dispersão de luz. Indicado para monitorizar emissões atmosféricas de centrais termoelétricas e incineradoras de resíduos.
Ver Detalhe

Analisador de partículas DUSTHUNTER T200 - Sick

O DUSTHUNTER T200 é o analisador de partículas indicado para medir de médias até altas concentrações. Funciona pelo princípio de transmitância, mas também podem ser apresentados valores de opacidade e extinção, após calibração gravimétrica.

O analisador é composto por duas unidades (emissor/recetor e refletor) instaladas “in situ” em lados opostos da chaminé. Desta forma são indicados para chaminés com grande diâmetro. Possui controlo integrado da contaminação bem como alinhamento automático do conjunto ótico.
Ver Detalhe

Analisador de partículas e caudal Combiprobe CP100 - Sick

Medição combinada de partículas, caudal volúmico, pressão e temperatura (EN 15267).
 
O Combiprobe CP100 combina um analisador de partículas por luz dispersa DUSTHUNTER SP100 com um analisador de caudal volumétrico FLOWSIC100 PR em apenas uma flange de montagem. Um transmissor de pressão e temperatura complementam a sonda combinada. Para medir a concentração de partículas, caudal volumétrico, pressão e temperatura, o Combiprobe CP100 precisa de uma única abertura de montagem na chaminé. Deste modo, o custo de instalação é muito menor comparativamente com a instalação separada de cada componente.
 
Ver Detalhe

Analisador de partículas em gases húmidos FWE200DH – Sick

Medição fiável de partículas em gases húmidos.
 
O sistema FWE200DH da Sick foi desenvolvido para medir concentrações de partículas em gases húmidos, em contínuo. A amostra é extraída através de uma sonda aquecida acima do ponto de orvalho. Através deste processo dá-se a evaporação das partículas de água, garantindo a impossibilidade de interferência nas medições. A elevada sensibilidade do princípio de medição por dispersão de luz permite a medição de concentração de partículas, mesmo nas gamas mais baixas.

O analisador de partículas em gases húmidos FWE200DH cumpre os requisitos das normas EN 14181 e EN 15267.
 
 
Ver Detalhe

Analisador de partículas portátil GRAVIMAT SHC500 - Sick

SHC500 GRAVIMAT é o analisador de partículas portátil para medições isocinéticas, possibilitando a calibração e comparação gravimétrica de analisadores contínuos de concentração de partículas. 

Um caudal parcial de gases é extraído por ensaio isocinético através da cabeça do filtro. A amostragem é controlada automaticamente e em tempo real. A concentração de partículas é determinada pela pesagem da massa do filtro coletor antes e depois da extração. 
Ver Detalhe

Analisador para túneis FLOWSIC200 - Sick

O FLOWSIC200 é utilizado para a medição da velocidade e direção de vento em túneis ou condutas de ventilação, de forma precisa e sem elementos mecânicos móveis.

A tecnologia ultrassónica permite a obtenção do valor médio da velocidade em toda a secção transversal do túnel, ao contrário dos comuns anemómetros que apenas indicam o valor pontual. O FLOWSIC200 da Sick é o equipamento adequado quando se pretende otimizar o controlo de ventilação, reduzindo os custos funcionamento. Com o analisador para túneis FLOWSIC 200 é possível garantir o funcionamento do sistema de ventilação no mínimo adequado às condições meteorológicas e impostas pelo tráfego.
Ver Detalhe

Analisador para túneis VISIC100SF - Sick

O analisador para túneis VISIC100SF é uma solução completa para a medição de visibilidade, e concentração de CO e NO em túneis rodoviários.

O analisador para túneis VISIC100SF da Sick é o único equipamento no mundo a combinar a princípio de medição de difusão de luz com células eletroquímicas - tudo num caixa única e compacta, fácil de montar, operar e manter. 

Sem necessidade de alinhamento ou de configuração - para que possa começar a medir imediatamente. Com a sua classificação de proteção IP6K9K, o VISIC100SF não só suporta as duras condições ambientais dentro dos túneis; mas também suporta as operações de lavagem do túnel sem quaisquer problemas. Durante a fase de desenvolvimento, foi dada particular importância à garantia de fiabilidade associada a alargados intervalos de manutenção. 
Ver Detalhe

Analisadores de gases fixos GHG-CONTROL – Sick

Sistema de medição “in-situ” e integrado de gases de efeito estufa GHG-CONTROL.

Medição continua, fiável e em tempo real das emissões de CO2 e N2O: O sistema de análise de gases GHG-Control da Sick é a única solução “in-situ” que fornece às empresas uma quantificação precisa dos gases de efeito de estufa emitidos em tempo real. O GHG-Control regista as concentrações dos gases CO2-/N2O e o respetivo caudal e determina a quantidade total com uma elevada precisão. 
 
Ver Detalhe

Bus de conexão inteligente digiLine - Jumo

BUS de conexão inteligente para sensores digitais de medição analítica.
Com a nova gama de sensores digiLine, a Jumo apresenta um novo sistema de conexão de sensores digitais para medição analítica, em Bus, com tecnologia Plug & Play.

Gama digiLine da Jumo abre portas ao conceito de Indústria 4.0
A gama digiLine da Jumo permite a implementação de redes de ligação entre os vários sensores, de forma simples, numa topologia estrela ou árvore. A comunicação com a unidade de monitorização mais próxima ou com a unidade de controlo é garantida através de um único cabo de sinal. Desta forma é possível medir diversos parâmetros em outros tantos locais de forma eficiente e rápida.
Ver Detalhe

Elétrodos de medição analítica TECLINE LF-VA - Jumo

Jumo tecLine Lf-VA - células electrolíticas condutividade (20.2924).

As células de medição de condutividade Jumo são utilizadas em conjunto com transmissores de condutividade para definir a condutividade eletrolítica em fluídos. Os materiais utilizados dessas células vão de acordo aos requisitos da FDA. 

Os elétrodos de medição analítica Jumo 202924/10 e 202924/20 podem ser usados, por exemplo, nas seguintes áreas: água pura e ultra-pura, indústria farmacêutica, indústria química, indústria alimentar, fabricação de chips, sistemas de osmose reversa. 

Sob pedido, por vezes a indústria farmacêutica necessita de células de medição fornecidas com uma rugosidade de superfície <0.8µ, sendo possível fornecer esta célula com estas características. Um certificado de teste de fábrica, como o EN10 204-3,1 é adicionado ao certificado standard. Os elétrodos são embalados individualmente em filme. 
Ver Detalhe

Elétrodos de medição de pH – tecLine - Jumo

Os elétrodos de medição de pH da gama tecLine da Jumo são sensores de elevada qualidade para aplicações profissionais em processos industriais. 

Os elétrodos da gama tecLine da Jumo caracterizam-se pela utilização de materiais e componentes de alta qualidade, num design de sensor único de medição combinada (sensor em metal ou vidro e elétrodo de referência integrado). Dependendo da versão, o sensor pode ainda incorporar uma sonda de temperatura opcional integrada.

Com diversas versões disponíveis para garantir uma solução para cada aplicação, os sensores da gama tecLine da Jumo representam o estado da arte na medição moderna de pH e redox. Cada elétrodo é um produto de elevada qualidade e como tal inspecionado individualmente.
Ver Detalhe

Instrumento de medição e controlo Aquis Touch S - Jumo

Existem 4 funções como a medição, a visualização, o controlo e o registo, que foram reunidas num único equipamento inovador para ser utilizado num mercado promissor como o da análise de líquidos.

Para a medição quer de pH ou valor de redox, condutividade electrolítica, resistência de água ultra pura, temperatura, parâmetros de desinfeção (tais como o cloro livre, dióxido de cloro, ozono, peroxido de hidrogénio), ou caudal, o novo JUMO AQUIS touch S providencia uma plataforma central para visualização e processamento dos sinais adquiridos pelos sensores correspondentes. 
Ver Detalhe

Medidores portáteis de condutividade HND-C - Kobold

A unidade de medição de condutividade Kobold do modelo HND-C110 é uma unidade de medição de condutividade compacta com sondas solidamente conectadas que podem ser usadas universalmente. Devido ao duplo display, ambos, a condutividade e o valor da temperatura podem ser exibidos simultaneamente.
 
O modelo HND-C110 oferece funções como memória de valor mínimo / máximo, função de congelamento da medição (Hold), função de OFF automático e comutação automática da gama de medição (para ajuste automático da gama de medição ideal). Dado que a medição de condutividade tem uma elevada dependência da temperatura, o HND-C possui compensação automática de temperatura. Com a unidade HND-C110, a determinação de resistência, salinidade e TDS também fazem parte do conjunto de funções disponíveis.
 
Ver Detalhe

Medidores portáteis de pH / redox e conductividade 202710 – Jumo

Os dispositivos de medição da família 202710 da Jumo são unidades portáteis destinadas à medição dos seguintes parâmetros: Valor de pH, potencial de Redox e temperatura, ou condutividade (condutiva) e temperatura, em laboratórios, instalações industriais, no tratamento de águas residuais, na conservação de peixes ou piscicultura, etc. Os dispositivos têm memória (min. e máximo) e função de congelamento da medição (hold).
Para prolongar a longevidade da bateria, o dispositivo pode ser configurado para se desligar automaticamente dentro de um período de tempo de 1 minuto a 2 horas. A medição contínua também é possível. Os dispositivos são operados através de um teclado de membrana.
 
Ver Detalhe

Medidores portáteis de pH, redox e temperatura HND-R - Kobold

Os medidores portáteis de pH, redox e temperatura, HND-R106 da Kobold são unidades de medição compactas e universalmente aplicáveis para elétrodos com conexão do tipo BNC. A extensa gama de elétrodos permite a utilização do HND-R106 em quase todas as áreas de aplicação.
 
A unidade de medição Kobold HND-R106 oferece funções como memória de valor mínimo / máximo, função de retenção, função de OFF automático e compensação automática de temperatura. Além do pH, redox e medição de temperatura, o dispositivo pode exibir o valor da humidade relativa, calculado a partir do valor de redox medido e do valor de pH previamente medido ou inserido manualmente.
 
Ver Detalhe

Sensor de medição - CTI-750 - Jumo

Medição de condutividade por princípio indutivo.

O sensor de medição CTI-750 da Jumo é usado para a medição e controlo da condutividade de líquidos e particularmente recomendado em líquidos com quantidades elevadas de depósitos contaminantes tais como, óleos, graxas, gessos ou precipitações de cálcio. A medição de temperatura integrada permite uma compensação rápida e precisa, que é particularmente importante quando se mede a condutividade. As funções adicionais, tais como a alternância combinada da faixa de medição e do coeficiente de temperatura, otimizam o CTI-750 para aplicações tais como os processos CIP.

As duas saídas de comutação integradas podem ser programadas livremente para monitorização do valor limite de condutividade/concentração e/ou temperatura. Em aplicações de dessalinização também podem ser atribuídas a estas saídas tarefas de alarme e controle.
Ver Detalhe

Sensor de medição de oxigénio dissolvido – EcoLine O-DO - Jumo

Para além da medição de pH e condutividade, a determinação da concentração de oxigénio dissolvido é uma tarefa importante na área da medição analítica em líquidos.

A Jumo apresenta o modelo ecoLine O-DO como sendo um sensor digital com um princípio de medição visual por luminescência. Ao contrário dos sensores eletroquímicos, o sensor ótico é caraterizado por uma medição com baixa deriva, reduzida manutenção e estabilidade a longo prazo.
Ver Detalhe

Sensor de medição de turbidez ecoline NTU –Jumo

A medição de turbidez de acordo com a norma DIN EN ISO 7027 é uma medição para controlo e determinação da qualidade de água.

A Jumo decidiu estender a sua área de actuação nos sensores de medição analítica em líquidos para uma oferta com um princípio de funcionamento baseado na medição da luz de infra vermelho com comprimento de onda de 880nm.
Ver Detalhe

Software MEAC 2000 - Sick

Sistema de avaliação de dados de emissões atmosféricas: Aquisição e armazenamento; Análise e elaboração de relatórios; Transmissão e monitorização de dados. 
O sistema MEAC2000 da Sick inclui vários componentes: A unidade de aquisição de dados, responsável pela recolha dos dados provenientes de até 16 locais remotos, pré-processa e transmite para o PC de emissões central.
 
Ver Detalhe

Transmissor / Controlador compacto - dTRANS pH 02 - Jumo

O Jumo dTRANS pH 02 é uma unidade compacta e modular, com a flexibilidade (com 3 slots, cartas opcionais, etc.,) de utilização numa vasta gama de aplicações.

A entrada do Jumo dTRANS pH 02 foi desenvolvida para a conexão de sensores de pH ou redox – elétrodos standard de vidro ou ISFET - ou de NH3. A segunda entrada analógica pode receber sinais de sondas de temperatura PT100, PT1000, NTC / PTC ou sinais universais de 0 (4) a 20 mA e 0 a 10 V (entrada de compensação). As duas entradas digitais podem ser utilizadas tanto para ativação de ações (tais como pausa, inibição de teclado), como para a medição do caudal, quando conectada à saída de impulsos de caudalímetros ou contadores de água. O alto contraste do visor gráfico permite que os sinais de entrada sejam visualizados nos formatos numérico e de gráfico de barras. Os parâmetros são apresentados em texto simples para uma operação segura e de fácil compreensão.
Ver Detalhe
Página 2 de 2
Visualizar
  • 0
  • 1
Utilizamos cookies próprios e de terceiros para lhe oferecer uma melhor experiência e serviço. Para saber que cookies usamos e como os desativar, leia a política de cookies.
Ao ignorar ou fechar esta mensagem, e exceto se tiver desativado as cookies, está a concordar com o seu uso neste dispositivo.