Novidades

Filtrar
Página 1 de 3
Visualizar
12 Fevereiro 2018

Mais de 10 mil euros em bens doados a famílias carenciadas e associações

A F Fonseca estabeleceu uma parceria com a Delegação da Cruz Vermelha de Mira em colaboração com a Junta de Freguesia da Praia de Mira, tendo doado 56 aquecedores avaliados num valor total de 10 755,86€. Estes bens pertencentes ao nosso Inventário foram concedidos a título de doação gratuita, como apoio social, a famílias carenciadas especialmente da área geográfica da freguesia e por outro lado têm servido para melhorar as condições de alguns espaços de associações locais e das próprias entidades. Os bens foram entregues nas instalações da F. Fonseca em Esgueira, a Francisco Reigota, Presidente da Junta de Freguesia da Praia de Mira e João José Toito, Presidente da Assembleia de Freguesia da Praia de Mira, que por sua vez, em parceria com a Delegação da Cruz Vermelha de Mira têm encaminhado os bens para os destinatários. No âmbito desta parceria, todos os envolvidos reconhecem que estas atitudes fazem a diferença, melhorando realmente as condições de viva de algumas famílias. Deste modo, a F. Fonseca mantem a promessa de estar atenta aos problemas da sociedade com mais este apoio de caracter social e o seu Presidente, Mário Martins da Silva continua a demonstrar a sua sensibilidade e humanismo.  Este é mais um bom exemplo de que há várias formas de melhorar a sociedade e que ajudar faz-nos, sem dúvida, mais felizes! A F.Fonseca intitula-se como uma empresa sorriso e neste caso, conseguiu ser mais brilhante com os sorrisos da Delegação da Cruz Vermelha de Mira e da Junta de Freguesia da Praia de Mira. Ajude, um pequeno gesto pode fazer toda a diferença.
ler mais
15 Janeiro 2018

A F.Fonseca apoia a Cruz Vermelha pelo 2º ano consecutivo

Campanha solidária – 1 questionário = 5€   No âmbito da realização do questionário anual de satisfação de clientes, a F.Fonseca manteve a iniciativa realizada em 2016 de por cada questionário rececionado dentro da data limite estipulada, este ser revertido em 5€ para apoio à Cruz Vermelha de Aveiro.   Os clientes da F.Fonseca mostraram novamente grande abertura e recetividade, sendo que o resultado final foi bastante idêntico ao do ano anterior, um verdadeiro sucesso! E é para os nossos clientes que segue mais uma vez o nosso sincero agradecimento, ao viabilizarem a materialização desta ação, traduzida num total de 655€.   A entrega do cheque solidário foi simbolizada, desta vez, nas instalações da F.Fonseca em Esgueira, no passado dia 11 de Janeiro de 2018, com a presença do Presidente da Instituição, Mário Martins da Silva e de Carlos Gonçalves, Presidente do Conselho de Administração da F.Fonseca, que reforçou a palavra dada no ano anterior e mostrou novamente grande abertura para continuar a abraçar este tipo de iniciativas de caracter social, que apoiem diretamente a nossa comunidade.   Este ano convidamos o Sr. Mário a conhecer as instalações da F.Fonseca, para também este ficar a perceber um pouco melhor a nossa realidade, iniciativas e os rostos da empresa. Como habitual o agradecimento foi bastante sentido, visto que continua a ser uma realidade difícil aquela que a Cruz Vermelha atravessa, onde todos os donativos diretos são uma “lufada de oxigénio” que de certa forma permitem colmatar as necessidades mais prementes.   Ajudar faz-nos bem, faz-nos sentir mais felizes! E a F.Fonseca intitula-se como uma empresa sorriso! Apoie também, sensibilize a sua empresa a fazê-lo, até o mais pequeno gesto pode fazer toda a diferença.
ler mais
5 Janeiro 2018

Doamos mais de 600 brinquedos!

É de coração cheio que dizemos: Doamos mais de 600 brinquedos! Esta campanha solidária foi um verdadeiro sucesso! A campanha solidária “Leve um Nicolau a cada Criança” foi desenvolvida com o foco iminente nas crianças carenciadas e em como um simples gesto poderia fazer tanta diferença e gerar tantos sorrisos! Foi com esse objetivo, e inspirados pela alegria que iriamos proporcionar, que a iniciativa começou a ganhar forma: Inicialmente seria destinada apenas aos colaboradores da F.Fonseca mas rapidamente ganhou asas e foi-se alargando às famílias dos colaboradores, amigos, amigos de amigos, clientes, fornecedores, parceiros, conhecidos e desconhecidos. E foi graças à generosidade de todos que, entre 1 e 15 de dezembro de 2017, conseguimos angariar 624 brinquedos. Com a campanha a ganhar forma, depois de selecionar, arranjar, lavar, embrulhar, acondicionar e encaixotar os brinquedos passávamos para a fase final entrega-los aos nossos pequenos grandes destinatários. Felizmente o número de brinquedos que a F.Fonseca tinha imaginado inicialmente foi ultrapassado em larga escala por isso não só ajudamos a associação Florinhas do Vouga, de Aveiro, como estava previsto inicialmente, mas também conseguimos ajudar a associação Ahma, de Albergaria-a-Velha. Fomos recebidos de braços abertos e com imensos sorrisos, percebemos realidades mais tristes com as quais não estamos habituados a lidar, realidades completamente diferentes de crianças verdadeiramente especiais. Conseguimos fazer gerar os sorrisos que tanto ambicionávamos e que fizeram nascer a campanha mas sobretudo percebemos, mais uma vez, que juntos fazemos a diferença. A F.Fonseca agradece, sinceramente, toda a disponibilidade, solidariedade, generosidade e o espírito de partilha demostrados por todos os que abraçaram esta primeira campanha solidária.  
ler mais
21 Novembro 2017

Leve um Nicolau a cada Criança - Natal 2017 | Campanha solidária

A F.Fonseca está a realizar uma campanha de recolha de brinquedos até 15 de dezembro de 2017 com o intuito de, neste Natal, apoiar a instituição Florinhas do Vouga.   Esta decorrerá nas instalações da empresa em Aveiro e tem como objetivo dar uma nova vida aos brinquedos usados e fomentar a partilha que é um dos valores que tanto marcam esta época especial.   A instituição Florinhas do Vouga apoia mensalmente cerca de 200 famílias em géneros alimentares, vestuário e bens essenciais. Distribui também diariamente refeições na cantina social e através de uma carrinha em vários pontos da cidade como apoio aos Sem-abrigo. Estas iniciativas, entre tantas outras desta associação, fazem deles um verdadeiro exemplo para toda a comunidade.   Com o desejo de neste Natal " Levar um Nicolau a cada criança", esta iniciativa pretende sensibilizar toda a comunidade onde a F.Fonseca está inserida, desde os seus parceiros, clientes, fornecedores, colaboradores, familiares e amigos.   Aderir à campanha em 3 passos: Reunir brinquedos novos ou usados. Entregar, até dia 15 de dezembro, nas instalações da F.Fonseca. Se preferir poderá enviar pelo correio. Fácil! Já está! Nós encarregamo-nos de entregar à instituição durante a semana seguinte.   A fotografia desta campanha “The Many Faces of Santa” é da autoria de Christina + David | Editorial & Commercial Photographers  
ler mais
14 Novembro 2017

A F.Fonseca apresenta CC-Link IE Field Network Basic da Mitsubishi Electric

A Mitsubishi Electric está a lançar novos produtos compatíveis com a nova rede, baseada em Ethernet, o CC-Link IE Field Network Basic. Esta rede permite alavancar novas soluções ao nível de produção de uma fábrica. Dispositivos e equipamentos para sistemas de pequena escala estão a tornar-se mais acessíveis e a nova rede CC-Link IE Field Network Basic vem permitir uma integração mais fácil em redes Ethernet. Esta rede não necessita de hardware dedicado (ASIC), sendo uma rede em que o protocolo suporta comunicações cíclicas baseadas em software, permitindo assim reduzir os custos de implementação para os integradores. A rede CC-Link IE Field Network Basic usa a tecnologia de Ethernet padrão, suportando protocolo TCP / IP para as comunicações (como HTTP, FTP). Baseada em SLMP (Seamless Message Protocol), os fluxos de dados são transparentes entre o nível do sensor e o nível do controlo, melhorando o desempenho dos sistemas numa fábrica. Todas as famílias de PLCs, variadores, consolas, servos, robôs e módulos de entradas e saídas remotas passarão a ter integrado o protocolo CC-Link IE Field Network Basic sempre que tenham uma porta Ethernet disponível. Neste momento os PLCs FX5, serie L, serie iQ-R (com porta integrada) suportam esta rede como estações master. Os variadores da serie FR-A800E e FR-F800E (com porta integrada) e as consolas GT25/27 (com porta integrada) podem ser estações slave na rede CC-Link IE Field Network Basic.
ler mais
9 Outubro 2017

Sensores de contraste KTS E KTX da Sick

A F.Fonseca apresenta sensores de contraste KTS E KTX da Sick   Simplesmente detetam mais! Onde a maioria dos sensores de contraste atingem os seus limites, os KTS e KTX oferecem mais aplicações, mais áreas de uso e maior flexibilidade.   Os novos sensores KTS e KTX incorporam mais do que apenas a fiabilidade e a disponibilidade dos sensores de contraste da Sick existentes no mercado. A Sick foi ainda mais longe, juntando a TwinEye-Technology® e um display multifuncional com opções de configuração, oferecendo, assim, sensores de contraste que agora também detetam cores. As vantagens? Melhor desempenho e estabilidade de processo.   Os benefícios destes sensores são inúmeros, destacando o TwinEye-Technology® para um melhor desempenho em materiais brilhantes ou com vibrações – menor tempo de inatividade da máquina e maior estabilidade ao nível do processo. A excelente resolução de contraste e alcance dinâmico para um elevado desempenho sobre materiais complexos. Modo de cor integrado – deteção estável com diferenças de cor complexas e possibilidade de armazenar configurações e replicá-las noutros sensores.   Os sensores de contraste KTS E KTX da Sick são adequados para diversas aplicações desde máquinas de rotulagem: determinação do bordo de corte, alinhamento de etiquetas sobre garrafas, controlo da cor na produção de linhas ou cabos ou aplicações em que o contraste é uma característica de diferenciação.
ler mais
9 Outubro 2017

Câmara inteligente InspectorP65x da Sick

A F.Fonseca apresenta Câmara inteligente InspectorP65x da Sick   Programável. Máxima performance. Longo alcance. A Sick oferece uma vasta gama de produtos de visão, desde sensores de visão de fácil configuração e câmaras programáveis extremamente flexíveis até câmaras de streaming de dados que vão ao encontro dos requisitos mais elevados. As câmaras programáveis possuem uma elevada flexibilidade e funcionam sem a necessidade de um PC. Possuem processamento de imagem integrado e devolvem o resultado da inspeção como resultado.   O InspectorP65x é uma câmara industrial 2D programável ideal para as tarefas de visão artificial onde se requer longo alcance e/ou elevada resolução. Com uma resolução de imagem entre 2-4 megapixéis, um corpo com IP65 e um desenho das óticas de última geração extremamente flexível, esta câmara está preparada para enfrentar os ambientes mais adversos. O software para desenvolvimento da aplicação é altamente flexível, graças ao ambiente de desenvolvimento Sick AppSpace, impulsionado pela biblioteca de visão de renome mundial HALCON.   Esta câmara inteligente é indicada para aplicação em diversas indústrias, desde a automóvel, eletrónica, pneus e logística.  
ler mais
29 Setembro 2017

Variador de velocidade FR-A800E/FR-F800E da Mitsubishi Electric

A F.Fonseca apresenta variador de velocidade FR-A800E/FR-F800E da Mitsubishi Electric   Este ano, a Mitsubishi Electric lançou na Europa a mais recente série dos seus variadores de velocidade: FR-A800 e FR-F800. Baseados nas suas unidades standard da série FR-A800 e FR-F800, esta gama tem integrado um servidor web e conectividade Ethernet TCP/IP de 100Mbit.   As novas funcionalidades desta gama são complementares às já extensas opções de conectividade de rede da série FR-A800E e FR-F800E da Mitsubishi Electric, proporcionando aos construtores de máquinas e a integradores de sistemas uma maior flexibilidade para monitorização remota do sistema e ajuste de parâmetros, bem como uma maior integração em sistemas já instalados. Com esta família de variadores de velocidade também será lançado um novo aplicativo que permite aos utilizadores a possibilidade de controlo e monitorização a partir de um dispositivo móvel.   A porta Ethernet integrada reduz consideravelmente os custos de conectividade destas unidades num ambiente industrial onde já exista uma infraestrutura Ethernet TCP/IP instalada, sem a necessidade de módulos adicionais. Esta porta permite ligação Ethernet TCP/IP e oferece suporte para CC-Link IEF Basic e Modbus/TCP/IP. Os instaladores podem usar o software Mitsubishi Electric FR Configurator2 para pesquisar a rede a partir de um único local e identificar facilmente modelos FR-A800-E ou FR-F800-E conectados. A conexão Ethernet direta não só elimina o custo das placas opcionais mas também facilita a configuração, monitorização e ajuste de parâmetros de qualquer uma destas unidades.   Estes variadores são indicados para aplicação em qualquer indústria, independentemente do setor de atividade.
ler mais
29 Setembro 2017

Barreira de segurança multifeixe deTem4 Core da Sick

A F.Fonseca apresenta Barreiras de segurança multifeixe deTem4 Core da Sick   Um novo standard em todos os sentidos! Como pode a Sick manter a sua posição de liderança no setor de segurança industrial ao longo de 65 anos? Através de inovação contínua. A deTem Core é a base para a nova geração de barreiras de segurança multifeixe da Sick. Combinando custos reduzidos com fiabilidade, a deTem Core é a solução ideal para a proteção de acesso a áreas perigosas de máquinas. A proteção de acesso é efetuada de forma simples e eficiente. Focada nas funções essenciais, a deTem4 Core é especialmente ímpar no que ao alcance diz respeito. O comissionamento nunca foi tão simples.   A barreira de segurança multifeixe deTem4 Core, com 2, 3 ou 4 feixes, proporciona uma proteção de acesso a áreas perigosas em máquinas de forma simples e fiável. O seu corpo, de dimensões reduzidas e já em uso na família deTec, poupa espaço e permite uma integração facilitada ao usar os acessórios de fixação e ligação já testados e validados nessa família. Apesar da sua pequena dimensão, esta barreira pode atingir um alcance de até 90 metros, possibilitando a proteção de acesso de várias faces da máquina com a utilização de espelhos defletores.   A deTem4 Core da Sick é adequada para aplicação em qualquer industria, independentemente do setor de atividade.
ler mais
15 Setembro 2017

Revista F.Fonseca Processo, Instrumentação e Ambiente, edição de setembro de 2017

A F.Fonseca procura imprimir nas suas publicações uma dinâmica que não passe apenas pela promoção dos seus produtos, mas sim dar a conhecer outras vertentes que nos fazem ser por exemplo, uma das empresas mais felizes de Portugal em 2017! Sabia disso? É com muito orgulho que trabalhamos num ambiente de salutar, que em muito contribuem as atividades de teambuilding anuais onde somos por norma estimulados a participar em desafios que nos permitem exercitar a mente e estreitar ainda mais os laços que nos unem. Este ano em abril, o destino foi a Aguieira, onde fomos extremamente bem-recebidos!   Promovemos também um desafio, que cada vez nos tem vindo a dar mais prazer organizar, e que nos permite ter um contacto mais direto com os clientes, as suas necessidades e expectativas. Nesta edição promovemos o evento Mitsubishi Solutions na Indústria 4.0 que terá lugar a 12 de Outubro em Aveiro, nas instalações da F.Fonseca. O dia será composto por temáticas tecnológicas, seguidas de um business lunch e posterior acesso ao showroom onde terá a possibilidade de entrar em contacto com as diferentes tecnologias e novidades apresentadas!   No que concerne a produtos, serviços e soluções, as novidades também são muitas! Começando pelo tema de capa, que pela 1ª vez na sua história recai sobre o segmento de temperatura com promoção do novo configurador de sondas online. Esta área, a única com produtos produzidos pela F.Fonseca, tem vindo a conquistar cada vez mais clientes satisfeitos com o serviço personalizado e qualidade comprovada. Brevemente existirão ainda mais novidades, fique atento!   Ao nível de deteção de gases a F.Fonseca promove a solução com maior abrangência do mercado, através da marca Industrial Scientific, que revoluciona a deteção de gases com todos os equipamentos ligados remotamente via iNet Control.   Em teste, medida e calibração o destaque recai no analisador de qualidade de energia trifásico portátil MI 2883 Energy Master da Metrel, especialmente desenvolvido para o registo de energia e subsequente cálculo de eficiência.   O detetor LEAKSHOOTER LKS1000-V3 da Synergys Tecnologies, no segmento de inspeção de redes incorpora um novo firmware, um programa intuitivo strapshooter e uma funcionalidade específica para o teste de válvulas de vapor, peça mais informações!   Incluímos também nesta edição, dois dos muitos casos de sucesso do nosso portefólio, com a aplicação de computadores industriais da marca Advantech. O projeto Sistema de radar de controlo de velocidade com processamento de imagem, desenvolvido pela Micotec - Electrónica, Lda, onde a F.Fonseca estudou os requisitos da aplicação e selecionou o computador adequado para garantir uma boa relação entre performance, tamanho e preço. E o projeto Carregadores de baterias para veículos elétricos desenvolvidos pela Magnum Cap - Electrical Power Solutions, Lda, cujo apoio da F.Fonseca incidiu na seleção do computador adequado disponibilizando uma unidade para testes em protótipo e o suporte técnico necessário para se ultrapassar dificuldades durante a fase de testes.   Agora, que acreditamos ter-lhe despertado a atenção, pode a qualquer momento consultar esta edição online no nosso novo site ffonseca.com ou solicitar a revista em papel, totalmente gratuita, para o email marketing@ffonseca.com.
ler mais
15 Setembro 2017

Revista F.Fonseca Automação Industrial, edição setembro 2017

Mais uma edição, a última do ano, repleta das mais recentes novidades da F.Fonseca e das marcas que representa em Portugal.   Já sabia que a F.Fonseca consta no TOP 10 das empresas mais felizes em Portugal? Ou que recuperou a marca Steinel após 12 anos de interregno?  Fique a par destas e outras novidades logo nas primeiras páginas desta edição.   Os eventos previstos para o mês de outubro são mais um desafio a que a F.Fonseca se propõe e um dos grandes destaques que vos queremos dar a conhecer. O evento Mitsubishi Solutions na Industria 4.0, previsto para 12 de outubro apresentará soluções integradas na Indústria 4.0, com o objetivo de comprovar aos nossos clientes a enorme potencialidade da marca, líder mundial em diferentes segmentos. Reserve a data!   Seguido muito de perto o Sick Vision Day acontece também em Aveiro a 26 de outubro, nas instalações da F.Fonseca. O dia será integralmente dedicado à promoção das mais recentes tecnologias de visão orientadas às diversas aplicações industriais. Desde as apresentações promovidas pelos especialistas da F.Fonseca e da Sick até ao showroom com diversas aplicações interativas, os participantes terão a oportunidade de conhecer e ver in loco as diferentes tecnologias e soluções da Sick.   E ao nível de produtos e soluções, o que há de novo? No segmento quadro elétrico o destaque vai para o Mico Pro®, da Murrelektronik, sendo o mais recente e inovador sistema de monitorização de corrente.   Para a indústria, no segmento dedicado à cablagem, apresentamos uma nova geração de calhas articuladas Murrplastik. Esta marca desde sempre se estabeleceu como referência na definição de padrões de qualidade, nomeadamente na facilidade de montagem e manutenção, assim como na robustez e durabilidade.   No controlo a Mitsubishi Electric está a lançar novos produtos compatíveis com a nova rede, baseada em Ethernet, o CC-Link IE Field Network Basic. Esta rede permite alavancar novas soluções ao nível de produção de uma fábrica. Contacte-nos para saber como pode tornar a sua integração de rede mais fácil!   Em identificação automática o destaque vai para os scanners laser de medição e contornoTIM1XX. Quer a sua aplicação pressuponha verificar a presença de um objeto numa determinada área ou determinar a sua posição exata, os sensores LiDAR da série TiM da Sick são uma solução eficiente para ambas as tarefas e uma das inúmeras novidades da marca apresentadas nesta edição.   Visite o novo site ffonseca.com e folheie online a últma edição de 2017 ou peça já gratuitamente a revista em papel para o email marketing@ffonseca.com
ler mais
15 Setembro 2017

A F.Fonseca promove o evento de visão artificial Sick Vision Day a 26 de Outubro

Venha conhecer os mais recentes avanços tecnológicos em Visão Artificial!   A visão artificial é uma das grandes apostas da Sick, um dos principais fabricantes mundiais de sensores e soluções para as mais variadas aplicações industriais.   A F.Fonseca orgulha-se de ser parceira da Sick nesta estratégia e de apresentar um dos principais eventos dedicados à visão artificial a realizar em Portugal em 2017. O Sick Vision Day decorrerá no dia 26 de Outubro na sede da F.Fonseca em Aveiro.   O dia será integralmente dedicado à promoção das mais recentes tecnologias de visão orientadas às diversas aplicações industriais. Desde as apresentações promovidas pelos especialistas da F.Fonseca e da Sick até ao showroom com diversas aplicações interativas, os participantes terão a oportunidade de conhecer e ver in loco as diferentes tecnologias e soluções da Sick.   Todas as empresas participantes terão direito a um projeto de visão artificial totalmente gratuito, ficando ainda cada participante automaticamente habilitado ao sorteio de uma máquina fotográfica Canon EOS - M10!   O futuro da visão artificial é agora. Vai perder esta oportunidade? Garanta já o seu lugar! As inscrições são limitadas.
ler mais
15 Setembro 2017

Barreiras de segurança de cortina deTec4 core da Sick

A F.Fonseca apresenta barreiras de segurança de cortina deTec4 core da Sick. Simplesmente segura: operação intuitiva e robusta para uma utilização diária. A Sick, criadora das barreiras de segurança/cortina, é o fabricante líder de dispositivos de segurança óticos. Com a introdução de uma nova geração de barreiras de segurança – deTec4 Core e deTec2 Core, a Sick foca-se agora no essencial: o estado de arte da segurança.   Um novo standard em todos os sentidos. As cortinas de segurança deTec4 Core e deTec2 Core da Sick tornam a proteção de zonas perigosas e pontos de acesso mais fácil e a custos reduzidos. A família deTec permite uma integração eficiente, rápida instalação e segurança em operações rotineiras – a deTec4 Core ou a deTec2 Core são as melhores cortinas de segurança da sua gama, em cada caso.   Baseado em mais de 60 anos de experiência. O desenvolvimento e produção de barreiras de segurança faz parte de um dos núcleos de competência da Sick há mais de 6 décadas. As cortinas de segurança da Sick têm provas dadas no terreno graças à sua instalação em todo o mundo e em inúmeras aplicações. Os fatores económicos são também uma consideração importante, para além das questões de segurança. Uma tecnologia de segurança otimizada e orientada ao utilizador é a chave para um aumento da eficiência do sistema.   As barreiras de segurança deTec4 Core impressionam pelo sistema inovador de fixação, ausência de zonas mortas nos seus topos e a dimensão do campo de proteção aumentada. O esforço necessário para comissionamento e manutenção destas barreiras é minimizado. O contorno semicircular da parte de trás da barreira permite o posicionamento do acessório de fixação em qualquer ponto da sua extensão. O acessório de fixação FlexFix facilita o alinhamento até +/-15º. Os LED integrados, as funções de diagnóstico, assim como a medição de distâncias automática permitem uma poupança de tempo e custos durante o comissionamento. A deTec2 Core pode ser utilizada em ambientes agressivos graças ao índice de proteção IP65 e IP67, proporcionando uma proteção fiável de mãos e dedos, com um nível de prestação PL c. Com temperaturas ambiente de funcionamento que vão desde -30ºC até aos +55ºC, esta família de barreiras pode ser utilizada inclusive em ambientes de baixa temperatura. Os campos de proteção podem ir desde os 300mm até aos 2,100mm.    As barreiras de segurança deTec4 core da Sick são indicadas para aplicação em diversas industrias tais como máquinas ferramenta: manuseamento e assemblagem, alimentar e bebidas, embalagem e eletrónica.
ler mais
15 Setembro 2017

A F.Fonseca promove em outubro formação sobre pneumática

Depois de realizar com bastante sucesso a ação inicial em fevereiro, a F.Fonseca organizará formação mais avançada de Pneumática nos dias 20, 21, 27 e 28 de outubro em Aveiro.   Tal como na Pneumática I, este curso realizar-se-á na sede da F.Fonseca e no Centro de Formação Técnica da Renault Cacia onde os formandos terão a oportunidade de desenvolver e aplicar os seus conhecimentos em bancadas pneumáticas construídas para este efeito.   Depois de frequentarem esta formação, os participantes saberão montar circuitos electropneumáticos a partir dos respetivos esquemas, regular estes circuitos para as condições pretendidas e detetar e reparar avarias num circuito electropneumático. Tudo isto respeitando as normas de segurança recomendadas!   Esta formação tem a duração de 24 horas e destina-se a técnicos e responsáveis de manutenção, operadores de produção, projetistas e a todos os interessados em pneumática.   Para mais informações aceda plano de formação da F.Fonseca ou consulte-nos diretamente através do email formacao@ffonseca.com.
ler mais
15 Setembro 2017

Analisador de energia MI 2883 Energy Master da Metrel

A F.Fonseca apresenta analisador de energia MI 2883 Energy Master da Metrel. Existem alguns motivos para medir e analisar a qualidade de energia hoje em dia. As interações potenciais entre equipamentos de uso final e o sistema de distribuição elétrica, interferências eletromagnéticas externas, estados ressonantes entre circuitos elétricos e alguns outros fatores exigem a necessidade de análise, para que se possam evitar ou prevenir consequências prejudiciais.   O MI 2883 Energy Master é um analisador de qualidade de energia trifásico portátil, especialmente desenvolvido para o registo de energia e subsequente cálculo de eficiência. Reduzir o consumo de energia reduz os custos de energia e pode resultar em economia financeira. O Energy Master serve como uma ferramenta perfeita para o registo de longo prazo e pós-processamento posterior dos dados gravados. O grande display gráfico a cores permite ao utilizador a análise e verificação dos dados no local. O pacote de software avançado PowerView3 permite uma análise detalhada dos dados gravados, leitura direta do cartão de memória microSD, análise de registos de longo prazo e criação automática de relatórios profissionais.   Este analisador é indicado para qualquer Indústria, processo fabril ou instalação elétrica que necessite de verificação do desempenho de equipamento de correção do fator de potência, análise de longo prazo, manutenção preditiva e verificação da capacidade do sistema elétrico antes de adicionar cargas.    
ler mais
27 Julho 2017

Mitsubishi Solutions na Indústria 4.0

A F.Fonseca, em parceria com a Mitsubishi Electric, tem o prazer de o convidar a participar no evento Mitsubishi Solutions na Indústria 4.0 que terá lugar a 12 de Outubro em Aveiro, nas instalações da F.Fonseca. Este evento apresentará soluções integradas na Indústria 4.0, com o objetivo de comprovar aos nossos clientes a enorme potencialidade da marca, líder mundial em diferentes segmentos. Serão demonstradas diversas aplicações, das mais simples às mais complexas e acima de tudo explicando como rentabilizar os processos e otimizar os recursos para uma produtividade máxima na sua indústria! Contamos como convidado especial para fazer a abertura do evento J. Norberto Pires, Diretor do departamento de Engenharia de Mecânica da Universidade Coimbra e da revista técnico-científica Robótica, assim como uma panóplia de oradores que incluem especialistas da F. Fonseca e da Mitsubishi Electric.   O dia será composto por temáticas tecnológicas, seguidas de um business lunch e posterior acesso ao showroom onde terá a possibilidade de entrar em contacto com as diferentes tecnologias e novidades apresentadas durante a manhã!   Garanta já o seu lugar! Os lugares são limitados.  
ler mais
29 Agosto 2017

Soluções de segurança para colaboração inteligente homem-robôt

A F.Fonseca apresenta um conjunto de soluções de segurança para colaboração inteligente homem-robôt A colaboração homem-robôt (CHR) surge da necessidade de homens e máquinas automatizadas partilharem simultaneamente um mesmo espaço. Impulsionado pela Indústria 4.0, este modelo de colaboração promete processos de trabalho com um elevado grau de flexibilidade, máxima disponibilidade e produtividade da instalação, assim como elevada eficiência económica. Para este novo desafio é necessário utilizar a melhor tecnologia de segurança em cada aplicação de modo a garantir uma colaboração homem-robôt sem problemas. Um dos grandes temas da Indústria 4.0 é a flexibilização dos processos de trabalho; esta flexibilização, em casos extremos, pode chegar à fabricação de produtos únicos num contexto industrial de produção em massa. Nas fábricas inteligentes deste tipo, em que produtos e processos se fundem com tecnologias de comunicação e informação modernas, são usadas máquinas cada vez mais inteligentes e, consequentemente, mais autónomas. Paralelamente, a produção industrial regista um aumento significativo de interação entre o homem e a máquina, já que a combinação das capacidades humanas com a dos robôts permite várias vantagens de produção tais como otimização do trabalho, melhoria da qualidade e melhor relação custo-eficácia. Ao mesmo tempo, as máquinas autónomas e, especialmente, as que interagem com o homem, requerem conceitos de segurança que flexibilizem os processos de produção de forma eficaz.   Interação homem-robôt: uma questão de tempo e espaço Com a chegada da Indústria 4.0, a interação colaborativa entre pessoas e máquinas passou a ser o foco da automatização industrial. Antes, até 90 por cento das interações eram regidas por dois cenários: coexistência e cooperação. Neste contexto, o tempo e o espaço são parâmetros básicos da interação. Uma situação de trabalho em que o homem e a máquina permaneçam ao mesmo tempo durante a interação em zonas coincidentes denomina-se coexistência. Um exemplo típico de coexistência seria uma zona de alimentação de peças com mesa giratória e uma cabina robotizada. O homem e a máquina trabalham ao mesmo tempo em áreas vizinhas cuja zona de separação se supervisiona, por exemplo, com uma barreira de segurança deTec4 Prime. Figura 1. Coexistência. Numa interação em que o usuário e a máquina partilham uma zona de trabalho comum, mas trabalham nela em tempos diferentes, estamos perante um cenário de cooperação. Uma situação de trabalho deste tipo seria, por exemplo, uma zona de transferência de um robôt de montagem. Um operador coloca as peças numa mesa de trabalho ao mesmo tempo que, por exemplo, um scanner de segurança S3000 com vários campos de proteção simultâneos deteta o operador e reduz a velocidade do robôt ou detêm o movimento potencialmente perigoso. Figura 2. Cooperação. No marco da Indústria 4.0, uma terceira forma de interação toma cada vez mais protagonismo: a colaboração homem-robôt. Neste tipo de interação, ambos (homem e robôt) partilham simultaneamente a mesma zona de trabalho. Um exemplo é uma plataforma móvel com um robôt que manobra as peças num transportador ou palete e, depois de as transportar a uma estação de trabalho, apresenta-as e entrega-as ao operador ali presente. Nestes cenários de colaboração não são suficientes as soluções de segurança clássicas para coexistência e cooperação; neste caso, as velocidades e rotas dos robôts terão que ser monitorizadas, limitadas e, se necessário, detidas em função do grau de perigo real, o que faz com que a distância entre homem e robôt se converta no parâmetro decisivo de segurança. Figura 3. Colaboração.   A análise de riscos como ponto de partida, também nos “cobots” Nenhuma colaboração homem-robôt é igual a outra, pelo que é necessário realizar uma análise de riscos individual para cada aplicação CHR, mesmo na situação em que o robôt utilizado tenha sido desenvolvido expressamente para interação com o homem. Estes robôts, rebatizados de “cobots”, apresentam características de segurança intrínseca. Adicionalmente, o espaço de colaboração está sujeito a um conjunto de requisitos básicos, tais como garantir as distâncias mínimas de segurança a zonas limítrofes, permitindo evitar entalamentos, por exemplo. A base normativa para a segurança funcional das aplicações CHR baseia-se, por um lado, em normas gerais como a IEC 61508, a IEC 62061 ou a ISO 13849-1/-2; por outro lado, deve ter-se em conta a norma ISO 10218-1/-2 relativa à segurança para robôts industriais e, especialmente, à especificação técnica ISO TS 15066 sobre robôts colaborativos. Os integradores de sistemas robóticos devem não só comprovar que as medidas de construção previstas pelo construtor do robôt estão em conformidade com as normas e funcionam corretamente, como também ter em conta os possíveis perigos ou riscos residuais. Neste aspeto, deve realizar-se uma análise de riscos do sistema robótico, as suas sequências de movimento e zona de colaboração prevista, segundo a EN ISO 12100, com o fim de extrair dos resultados de dita análise as correspondentes medidas de segurança, nomeadamente e por exemplo, a implementação do modo de colaboração adequado, segundo a ISO/TS 15066.     Modos de funcionamento de segurança dos sistemas robóticos colaborativos Segundo esta especificação técnica é possível diferenciar quatro modos de funcionamento colaborativo. O modo “Paragem de segurança monitorizada” detém o robôt para interagir com o homem; no modo “Guiamento manual” garante-se a colaboração entre homem e robôt guiando o robôt manualmente e de forma consciente com velocidade segura reduzida. No terceiro modo de colaboração - “Limitação de força e potência” - a segurança requerida é alcançada reduzindo a força, potência e velocidade do robôt (por exemplo usando funções de limitação disponibilizadas pelo controlador de segurança) a um limite de carga biomecânico que garanta a inexistência de risco ou lesão do operador, independentemente de o contacto físico entre o robôt e homem estar previsto ou não. O quarto modo de colaboração denominado “Supervisão da velocidade e distância” adquire todo o seu sentido nos cenários de trabalho em que se requere uma grande flexibilidade, ou seja, no âmbito da Indústria 4.0 e nos processos de produção das fábricas inteligentes. Este modo baseia-se na supervisão contínua da velocidade e rota do robôt, adaptando-as de forma contínua, sendo que o robôt reduz a velocidade, pára ou modifica a sua rota se necessário. Quando a distância entre o operador e a máquina é superior à distância mínima, o sistema robótico pode continuar automaticamente os movimentos com a velocidade e as rotas habituais. Assim, a produtividade do robôt restabelece-se imediatamente.     Segurança funcional para a colaboração homem-robôt: experiência, gama de produtos e implementação Entre os modos de colaboração especificados na norma ISO/TS 15066, o modo de Supervisão da velocidade e distância é o que oferece as maiores perspetivas em aplicações de colaboração homem-robôt. Neste modo e nos cenários tradicionais ainda predominantes de coexistência e cooperação, é claro que os sensores e controladores de segurança enfrentam novos desafios para garantir que a colaboração entre homem-robôt se desenrolará sem contratempos. A este facto há que adicionar que os requisitos de segurança da zona de trabalho comum são tanto maiores quanto maior seja o grau de colaboração das futuras situações de trabalho. A Sick, na qualidade de fabricante de soluções de sensores, controlo e sistemas de segurança funcional, e como fornecedor de serviços de segurança – que vão desde a análise de riscos, ao conceito de segurança, até à implementação da solução – conta com uma ampla experiência no desenho de aplicações robóticas seguras. Dispõe, adicionalmente, de uma vasta gama de sensores que foi evoluindo com os requisitos das aplicações de robótica, ao longo de várias décadas. Com as soluções de segurança cada vez mais inteligentes, baseadas em diferentes tecnologias, não deixam de surgir aplicações de colaboração homem-robôt capazes de satisfazer requisitos cada vez mais exigentes. A colaboração homem-robôt representa atualmente uma pequena percentagem de todas as aplicações com interação homem-máquina. Independentemente da interação necessária – coexistência, cooperação ou colaboração – os sensores de segurança tais como barreiras, scanners ou câmaras de segurança revelam-se uma parte vital da solução, permitindo ao robôt desempenhar as funções para as quais foi projetado mantendo a segurança das pessoas que com ele interagem. As soluções inovadores para a segurança funcional das aplicações robóticas, como as que a Sick desenvolve e implementa, podem contribui para aumentar de modo significativo esta percentagem num futuro próximo. Não se sabe ainda se o futuro será predominantemente colaborativo, ou não. Porém, fruto das mais-valias que a colaboração aporta, temos que estar preparados para esta evolução, mantendo categoricamente a segurança do bem mais precioso – as pessoas.
ler mais
10 Julho 2017

Industrial Scientific lança o LENS™ Wireless

A F.Fonseca apresenta LENS™ Wireless da Industrial Scientific LENS™ Wireless é a primeira tecnologia que permite que detetores portáteis de gases e detetores de área partilhem leituras de gases e alarmes em tempo real. A Industrial Scientific, líder mundial em deteção de gases, tem o prazer de apresentar o LENS™ Wireless. A tecnologia LENS Wireless, baseada em conceitos de rede de malha pontual militar, permite que os detetores de gases comuniquem entre si, sem fios e sem a necessidade de configuração da infraestrutura de TI ou de um controlador central. Os detetores multigás Ventis™ Pro Series e os detetores de área Radius™ BZ1 da Industrial Scientific estão disponíveis com LENS Wireless. A Industrial Scientific é o primeiro fabricante a permitir que os detetores portáteis de gases comuniquem diretamente entre si e com detetores de área e partilhem leituras de gases e condições de alarme. Os grupos de equipamentos na rede LENS Wireless são rápidos e fáceis de criar, possibilitando uma implantação rápida e grande variedade de aplicações. Os equipamentos Ventis Pro Series, com LENS Wireless ativo, iniciam a comunicação segundos após detetarem dois ou mais equipamentos próximos. Os detetores de área Radius BZ1 permitem uma conexão sem fios imediata sem necessitar de instalação ou dispositivos adicionais. A simplicidade de implantação e utilização do LENS Wireless permite que os trabalhadores de qualquer setor respondam com mais rapidez e com informações em tempo real quando ocorrerem condições de perigo. Em caso de situação de perigo por exposição a gases, desmaio ou pânico que dispare o alarme de um equipamento, todos os colegas ligados no grupo serão imediatamente alertados sobre o risco e quem está em perigo. Quando os segundos fazem a diferença, os trabalhadores podem contar com a ajuda de colegas próximos, em vez de uma sala de controlo ou central de segurança a quilómetros de distância. Outros benefícios do LENS™ Wireless incluem: Visualização de alarmes de pânico e desmaio por qualquer utilizador do Ventis Pro Series no grupo; Identificação do tipo de alarme de um colega em tempo real, permitindo uma resposta mais rápida e adequada; Uso de qualquer detetor para visualizar leituras de gases de até 24 colegas em tempo real, sem precisar de um controlador central separado para retransmitir as informações; Repetição de leituras até 1,5 km de distância com comunicação de sinal sem fios entre os equipamentos; Manutenção da integridade do grupo sem fios mesmo que apenas um equipamento se ausente abruptamente da rede. Proteção de dados ao partilhar com segurança leituras de alarmes de gases através de uma rede criptografada AES-128.   A tecnologia LENS Wireless é apenas o primeiro passo quando se trata de conectar os trabalhadores e incrementar o seu nível de segurança. É uma solução que se adapta facilmente, independentemente se a sua instalação tem dois ou 2.000 trabalhadores, com potencial para muitas aplicações futuras, além da deteção de gases. Para obter mais informações sobre o LENS Wireless, visite www.indsci.com/lens.
ler mais
10 Julho 2017

Campanha - Dê uma casa ao seu detetor de gases

A F.Fonseca apresenta a Campanha - Dê uma casa ao seu detetor de gases  A oferta da licença vitalícia iNet® Control, na aquisição de uma docking station DSXi, foi estendida até ao final de 2017. O iNet Control é uma interface baseada na cloud que otimiza a gestão operacional e de segurança da frota de deteção de gases, permitindo em tempo real: Demonstrar o uso adequado de toda a frota de detetores de gases e o cumprimento das normas estabelecidas. Perceber o estado da frota de detetores de gás:              - Saber que equipamentos estão em funcionamento;              - Saber que equipamentos são usados ​​corretamente;              - Saber que gases detetam os equipamentos;              - Reduzir o risco de exposição a gases perigosos.   Para informação adicional, consulte-nos. 
ler mais
13 Junho 2017

F.Fonseca distinguida como PME Excelência pelo terceiro ano consecutivo!

A F.Fonseca obteve em 2016 um crescimento notável de mais de 8,5% superando desta forma o marco dos 9 milhões de euros. A empresa considera, portanto, que 2016 seguiu a tendência de crescendo que felizmente caracteriza a performance dos últimos anos. Como reflexo desta, pelo 3º ano consecutivo, no passado dia 24 de fevereiro o IAPMEI distinguiu a F.Fonseca como PME Excelência 2016! Esta certificação distingue os melhores desempenhos económico-financeiros, criando condições de visibilidade acrescida a um segmento empresarial com contributos ativos para a economia e o emprego nacionais. Como condição fundamental para a realização da sua missão, a F.Fonseca ambiciona manter-se um player de referência na sua área de atuação e continuar a potenciar soluções tecnológicas. Ambiciona manter o nível de reconhecimento do mercado, consolidando o posicionamento que ocupa atualmente. Ao reger-se pela procura contínua da excelência através de soluções de vanguarda, inovação, gestão de conhecimento e compromisso com o cliente, acredita que no futuro continuará a ter uma vida cheia de aprendizagem, desafios e vitórias. A F.Fonseca encara este reconhecimento como resultado de muito esforço, empenho e dedicação, sendo que no fundo, deseja continuar a fazer por merecer o respeito e preferência dos seus clientes, conquistar novos mercados, incrementando os índices de satisfação e fidelização. E acima de tudo trabalhar com a mesma vontade e motivação para satisfazer todos os seus parceiros!  
ler mais
6 Junho 2017

Celebração da parceria F.Fonseca | Steinel num evento dedicado a profissionais do setor

Quando lutamos por algo que acreditamos, conseguimos!   Passados 12 anos a Steinel passou a ser novamente representada pela F.Fonseca em Portugal. Este marco não poderia deixar de ser celebrado!   Assim, no dia 26 de maio a F.Fonseca organizou uma receção a cerca de 30 profissionais do sector na sua sede em Aveiro.   Além de conhecerem os representantes da marca Edwina Leonhard (gestora comercial da área profissional para Portugal e Espanha) e Sven Liestmann (diretor comercial para a Europa), os presentes ficaram a par das últimas novidades orientadas ao mercado profissional da iluminação, tais como detetores de movimento e de presença, interruptores crepusculares, candeeiros, projetores e armaduras para interior e exterior.   Nas palavras do Presidente do Conselho de Administração da F.Fonseca, Sr. Carlos Gonçalves: “O comprometimento do restabelecimento desta parceria passa pelo uso do conhecimento dos nossos técnicos, pela nossa formação diferenciada e pela capacidade que temos de bem comunicar bem como pela qualidade e inovação ímpares dos produtos da Steinel. O nosso derradeiro objetivo é acrescentar valor a todos que connosco colaborem neste projeto.”   O CEO da F.Fonseca lançou ainda o seguinte desafio: “Usem os nossos comerciais, usem os nossos técnicos para dar formação aos vossos técnicos, aos vossos clientes, aqui, nas nossas instalações, nas vossas instalações ou onde acharem mais conveniente. Nós faremos questão de estarmos presentes. Queremos fazer parte do sucesso do negócio de todos nós. É esse o compromisso que assumimos”.   No final, o saldo desta celebração foi extremamente positivo, tendo sido cumpridos na íntegra todos os objetivos propostos, dando-se assim início a parcerias que se pretendem sejam de muito sucesso!  
ler mais
1 Junho 2017

A F.Fonseca é uma das 10 empresas mais felizes de Portugal!

Na F.Fonseca orgulhamo-nos de ser parceiros da economia portuguesa há quase 40 anos. Com a tecnologia e inovação das marcas que representamos e comercializamos, muitas delas líderes mundiais, contribuímos ativamente para o crescimento, modernização e segurança da indústria nacional. Mas são as nossas Pessoas o recurso mais valioso de que dispomos. O desenvolvimento, carinho e respeito que temos e promovemos junto dos nossos 53 colaboradores tem-nos permitido alcançar o reconhecimento e satisfação de Clientes e Fornecedores bem como sucessivos prémios. O último dos quais enche-nos de especial orgulho. O estudo Happiness Works 2017 mostra-nos que somos uma das 10 empresas mais felizes de Portugal! A aposta em colaboradores saudáveis e otimistas faz parte da nossa cultura. Mente sã em corpo são é um dos nossos lemas. Por isso colocamos à disposição das nossas Pessoas um ginásio e uma equipa de fisioterapeutas e médicos. Além de regalias várias e prémios de desempenho, todos os colaboradores usufruem também de um seguro de saúde extensível aos seus familiares diretos. À alegria e boa disposição do nosso ambiente de trabalho aliamos a exigência e o conhecimento diferenciador. A aposta na formação de alto nível é contínua. Eventos internos são vários, desde a comemoração dos santos populares até à tradicional atividade de team building por altura do dia do trabalhador. Na sala de convívio ou noutro espaço da nossa organização comemoramos sempre os sucessos com pompa e circunstância. Muito mais haveria a dizer sobre a aposta na felicidade das nossas Pessoas. Talvez por isso quase metade delas façam parte da família F.Fonseca há mais de 15 anos e tenhamos duplicado o nosso volume de negócios nos últimos 4 anos! Afinal de contas, a felicidade gera melhores negócios!      
ler mais
4 Maio 2017

Caixas de distribuição MVP12 Steel da Murrelektronik

A F.Fonseca apresenta caixas de distribuição MVP12 Steel da Murrelektronik Na indústria alimentar e bebidas é necessário que as instalações e componentes de máquinas sejam fáceis de limpar e higienizar. As novas caixas de distribuição MVP12 Steel da Murrelektronik são a solução ideal neste ramo da indústria. Produzidas em aço inoxidável de elevada qualidade, estas são perfeitas para implementar soluções descentralizadas em máquinas e instalações industriais. No que à higiene e proteção contra a corrosão diz respeito, a indústria alimentar e bebidas não tem margem para erro. Nesta área, máquinas e seus componentes são expostos a lavagens com alta pressão e a agentes de limpeza agressivos. Por este motivo, a Murrelektronik desenvolveu caixas de distribuição MVP12 Steel com fichas roscadas em aço inoxidável V4A que asseguram uma proteção IP69K. A MVP12 Steel da Murrelektronik funciona de forma fiável mesmo quando é submetida sucessivamente a procedimentos de limpeza, lavagem ou desinfeção. As exigências desta indústria tornam complexa a tarefa de cablar e condicionar cabos junto ao processo, mantendo os requisitos e necessidades de higiene. Com a MVP12 Steel, um único cabo será suficiente, reduzindo custos, número de ligações e espaço necessário. A MVP12 Steel pode ser instalada junto ao processo, permitindo que sensores e atuadores possam ser ligados a uma das suas 8 vias recorrendo a pequenos cabos de ligação.  Como complemento às caixas de distribuição MVP12 Steel, a Murrelektronik disponibiliza ainda conetores M12 em aço inoxidável resistente à corrosão, completando uma solução robusta o suficiente para as mais exigentes aplicações da indústria alimentar e bebidas.
ler mais
27 Abril 2017

Distribuidor de corrente inteligente Mico Pro® da Murrelektronik

A F.Fonseca apresenta o distribuidor de corrente inteligente Mico Pro® da Murrelektronik   O Mico Pro® é o mais recente e inovador sistema de monitorização de corrente da Murrelektronik. O novo sistema modular adapta-se de forma precisa à sua aplicação, com uma solução mais económica e que reduz o espaço ocupado no quadro elétrico ao estritamente necessário. O processo patenteado de corrente de disparo assegura a otimização dos tempos de paragem. Outra novidade é a distribuição de potencial integrada que reduz significativamente a cablagem necessária.   Os sistemas de alimentação são o coração de máquinas e sistemas industriais. Paragens por sobrecargas e curto circuitos representam perdas de produção com custos elevadíssimos. É por isso essencial garantir a máxima fiabilidade no sistema que fornece a energia necessária ao funcionamento da máquina ou sistema. O distribuidor de corrente inteligente Mico Pro® da Murrelektronik garante sistemas de alimentação fiáveis. O conceito inteligente de monitorização de corrente controla todas as cargas de forma consistente e identifica os momentos críticos quando realmente acontecem. O Mico Pro® sinaliza cargas limite e desliga canais com problemas de forma individual, para prevenir que todo o sistema entre em colapso, garantindo o máximo de funcionalidade da máquina ou sistema. O processo de corrente de disparo é patenteado e segue o princípio “o mais tarde possível, tão cedo quanto necessário”. O Mico Pro® tem ainda a capacidade de identificar erros “voláteis” como cabos quebrados em calhas articuladas que apenas ocorrem em movimentos específicos. O Mico Pro® tem ainda a possibilidade de identificar cargas capacitivas e garantir que o arranque é feito de forma controlada.   O Mico Pro® é indicado para ser aplicado em qualquer indústria, independentemente do setor de atividade.
ler mais
26 Abril 2017

Câmara de análise de vibrações Vshooter VBS1T da Synergys Technologies

A F.Fonseca apresenta câmara de análise de vibrações Vshooter VBS1T da Synergys Technologies O VSHOOTER é uma ferramenta de diagnóstico abrangente que permite conhecer e controlar facilmente o estado das máquinas rotativas mais comuns, tais como ventiladores, bombas, compressores e outros. O analisador de vibrações VSHOOTER VBS1T da Synergys Technologies é muito mais do que uma inovação no campo dos medidores de vibração, é um conceito totalmente novo, uma nova maneira de realizar monitorização e análise de vibrações.   Este novo e moderno conceito consiste em criar automaticamente uma Imagem da Condição da Máquina (ICM). Estas ICM podem ser guardadas e carregadas para um PC onde podem ser inseridas num relatório com dados de vibração que permite acompanhar a evolução em curvas de tendência detalhadas. O analisador de vibrações VSHOOTER VBS1T é um dispositivo de medição portátil equipado com um acelerómetro externo de alta qualidade, uma câmara embutida, estroboscópio em LED e um pirómetro. Um software especial foi desenvolvido para obter fotos reforçadas com informações importantes. Em cada ICM apresentada a medição aponta para determinados locais que aparecem a verde, amarelo, laranja ou vermelho de acordo com a classificação da ISO 10816-3 e 7. As vibrações de máquinas recém-instaladas estão normalmente na zona verde. As máquinas cujas vibrações estão na zona amarela são normalmente consideradas aceitáveis para uma longa vida útil, sem quaisquer restrições. Máquinas cujas vibrações estão na zona laranja são normalmente consideradas inadequadas para o serviço contínuo a longo prazo. Os valores de vibração encontrados na zona vermelha são normalmente considerados significativos o suficiente para causar danos.   A câmara de análise de vibrações Vshooter VBS1T da Synergys Technologies é indicada para todos os tipos de indústria que utilizam máquinas rotativas como ventiladores, bombas, compressores e todo o tipo de máquinas que utilizam rolamentos.    
ler mais
Página 1 de 3
Visualizar
  • 0
  • 1
Ao usar este website, está a aceitar a utilização de cookies para análise, conteúdo personalizado e apresentação de anúncios.